ANVISA divulga nova versão para Programa Nacional de Prevenção e Controle de Infecções Relacionadas


Dando continuidade a publicação anterior, o Programa Nacional de Prevenção e Controle de

Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde (PNPCIRAS) que abrangeu o triênio 2013-2015 contemplou quatro objetivos:

1) Reduzir Infecções Primárias da Corrente Sanguínea (IPCS);

2) Reduzir Infecções do Sítio Cirúrgico (ISC);

3) Estabelecer mecanismos de controle sobre a Resistência Microbiana (RM) em Serviços de Saúde e;

4) Aumentar o índice de conformidade do PNPCIRAS, segundo os critérios da OMS.

No ano de 2016, foi elaborada a nova versão do PNPCIRAS, abrangendo o quinquênio 2016

– 2020. Foram consideradas as avaliações preliminares da versão anterior (PNPCIRAS 2013-2015) e discutidos vários temas pertinentes, levando em consideração que o engajamento entre as agências de saúde pública federal (Anvisa), estadual (CECIHs) e local (CMCIHs e CCIHs) e os profissionais de saúde das instituições torna-se vital para a implantação, sustentabilidade e expansão de um programa de vigilância e prevenção de IRAS.

Este novo documento permanece com o objetivo geral de reduzir, em âmbito nacional, a incidência de Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde (IRAS) em serviços de saúde. Para que este objetivo seja alcançado, foram estabelecidos quatro objetivos específicos, sendo eles:

  1. Consolidar o Sistema Nacional de Vigilância Epidemiológica das IRAS.

  2. Reduzir nacionalmente a incidência das IRAS prioritárias.

  3. Prevenir e controlar a disseminação da resistência microbiana em serviços de saúde.

  4. Consolidar o PNPCIRAS.

Para cada objetivo específico, foram previstas metas e estabelecidas ações estratégicas que

devem ser desenvolvidas em âmbito nacional, de forma prática.

Para mais informações, acesse aqui o documento completo.

#SegurançadoPaciente #AssistênciaàSaúde #ANVISA #ControledeInfecção

Posts Destacados
Posts Recentes