A importância da notificação e análise dos eventos adversos no combate às Infecções Relacionadas à A


A ocorrência de eventos adversos tem um importante impacto no sistema de Saúde por

acarretar o aumento na morbidade, na mortalidade, no tempo de tratamento dos pacientes e nos custos assistenciais, além de repercutir em outros campos da vida social e econômica do país.

A intervenção efetiva nas situações de crise provocada pela ocorrência de surtos requer uma

cultura institucional fundamentada na segurança do paciente, na qualidade das técnicas e processos, além do gerenciamento das tecnologias usadas em serviços assistenciais.

Para o efetivo enfrentamento da variabilidade de aspectos relacionados

aos eventos adversos em serviços de saúde também se faz necessário conhecer a abrangência e a real magnitude da sua ocorrência. Nesse sentido, a investigação dos possíveis fatores de risco, fontes e causas dos episódios, como um dos instrumentos utilizados para intervir nas questões da segurança e da qualidade, contribui para o entendimento da dinâmica da ocorrência dos danos, orientando as mudanças nas práticas assistenciais e nas regulamentações.

A identificação de um surto em serviços de saúde deve ser comunicada oportunamente às

diferentes esferas que compõem o sistema de vigilância em saúde e a investigação deve ser iniciada imediatamente após a notificação, com a finalidade de obter dados mais precisos para a análise do evento. A notificação deve ser feita, mesmo se ainda não houver diagnóstico laboratorial, pois os resultados podem demorar e a investigação oportuna é necessária para evitar a ocorrência de novos casos.

Além disso, a forma criteriosa na sua execução pode orientar com mais precisão e confiança

a necessidade de novas ações a serem adotadas como a investigação em epidemiologia de campo.

Publicação integrante da Série Segurança do Paciente e Qualidade em Serviços de

Saúde: Investigação de Eventos Adversos em Serviços de Saúde

No sentido de instrumentalizar os profissionais e gestores de saúde para uma ação rápida,

coordenada e bem direcionada com vistas a reduzir a gravidade dos casos e o número de pessoas afetadas pelos eventos adversos em serviços de saúde, a Gerência de Vigilância e Monitoramento em Serviços de Saúde (GVIMS/GGTES/ANVISA) disponibiliza esta publicação como parte de uma estratégia que objetiva contribuir para os diferentes aspectos que englobam a segurança do paciente.

Acesse aqui o link da publicação.

A publicação envolve alguns elementos importantes para a investigação descritiva do evento

adverso, no qual foram destacados os eventos adversos infecciosos. Está destinada aos gestores, profissionais de saúde, educadores e aos profissionais que atuam no Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS).

​ No próximo post, disponibilizaremos o Boletim anual ​da ANVISA, com indicadores

resultantes da notificações existentes nos bancos de dados referentes a 2015, publicado em 30 de Dezembro de 2016.

#ControledeInfecção #SegurançadoPaciente #AssistênciaàSaúde

Posts Destacados
Posts Recentes